Notícias
Aqui você pode listar notícias e atualidades.
 Localizar   
Compartilhe
Tamanho da fonte



Ser libanês
23/11/2006
No prefácio da obra de Lindivaldo Reaiche Raimundo Brito, Os Primos: Crônica de uma Família Libanesa na Bahia, o publicitário Nizan Guanaes nos apresenta os sentimentos e particularidades daqueles que pertencem à comunidade libanesa no Brasil. Leia aqui o texto na íntegra

Os Primos: Crônica de uma Família Libanesa na Bahia
por Lindivaldo Reaiche Raimundo Brito


Nesta obra, Lindivaldo Reaiche aborda a saga do tronco familiar Reaiche que imigrou do Líbano para o Brasil no início do século passado. Sua cuidadosa pesquisa narra, além da história da imigração libanesa, os acontecimentos históricos na Bahia, Líbano e Brasil. Apresentamos aqui o belo prefácio da obra, escrito pelo publicitário Nizan Mansur Guanaes, em que podemos perceber e sentir o que significa ser libanês.

PREFÁCIO

Graças aos anos, dedicação e disciplina do nosso primo Lidivaldo, nossa geração e as próximas terão subsídios para conhecer e entender melhor que somos e de onde viemos, e para onde vamos. A leitura deste livro me permite, assim como a tantos outros ‘mouros’ que por aqui chegaram com estórias similares, a saber quem somos nós, de onde e porque viemos para este maravilhoso Brasil, de tantas raças e miscigenação.
Hoje, com esta leitura, sei melhor de mim e entendo porque sou assim:
É por isso que choro fácil e me emociono em casamentos até de quem não conheço tanto.
É por isso essa emoção incontida, essa zanga que vai e vem como um aguaceiro.
É por isso que eu amo comer e dividir minha comida.
É por isso que eu nado em bando, que tenho a alma de Kombi, e que vivi cheio e cercado de gente.
É por isso que gosto tanto de imóveis. Mesmo quando não preciso. E vou assim acumulando e guardando, devido a um medo que vem de longe.
É por isso que sou generoso. Que amo dar mais presente, do que receber.
É por isso que adoro agradar e receber meus amigos, e não descanso para que eles descansem sob minha tenda.
É por isso que eu adoro vender. Que tenho essa alma de mascate. Que adoro negociar. Que adoro pechinchar.
É por isso que herdei a tendência de engordar na cintura, para diabetes e para Alzheimer.
É por isso que amo tanto tomate.
É por isso que falo e discuto alto e sonho alto.
É por isso que nasci na Bahia. Fui para o Rio e moro em São Paulo. Tive casa em Nova Iorque e hoje vivo um pouco em Paris. É por isso que me sinto em casa no mundo.
Porque sou Mansur neto de Helene, filho de Emeraud, primo de Elias das Lojas Salume e de Antônio da Farmácia Elias, primo dos Aziz, dos Raimundo, dos Reaiche e dos Coury.
E esse cheiro de Kibe, esse choro, essa conversa de mascate, esse gênio e essa geniosidade fazem de mim o que sou.
Porque eu sou Nizan. Eu sou Guanaes. Mas também, e sobretudo, sou Mansur.
Sou árabe.
E como, e o porquê de nós sermos assim, graças ao talento, à generosidade e obstinação de meu primo, que nos ofereceu suas preciosas horas de pesquisa, para nos ajudar a entender porque nós somos assim.
E é isso que este livro explica.


Nizan Mansur de Carvalho Guanaes Gomes



voltar


Política de privacidade. ©2014. Criação FamilySites.com.br